Grande Prémio de F1 em Motonáutica de Portimão
 
Descrição  |  Caracterização  |  Estrutura e Participação  |  Localização  | 

 Edição 2020  CANCELADA

 Breve descrição do evento
.
A cidade de Portimão recebe anualmente o Grande Prémio de Portugal/Algarve F1 em Motonáutica, evento internacional ao mais alto nível que conta com o apoio de entidades como, o Instituto dos Portos e Transportes Marítimos - Delegação dos Portos do Sul, a Capitania do Porto de Portimão, o Hospital do Barlavento Algarvio, a Associação dos Bombeiros Voluntários de Portimão, Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação de Portimão e a Polícia de Segurança Pública.

A escolha da cidade do Arade para a realização deste evento de enorme prestígio internacional, é prova das excelentes condições naturais que a cidade de Portimão oferece para a realização de eventos náuticos, uma  posição que Portimão tem  vindo a cimentar ao receber grandes manifestações desportivas internacionais.

O Grande Prémio de Portugal / Algarve - F1 Motonáutica, este ano realiza-se nos dias 8, 9 e 10 de maio'20, é uma organização da F1h20/UIM, com organização local da Associação Turismo de Portimão e Município de Portimão, contando com o apoio local da Capitania do Porto de Portimão; Administração dos Portos de Sines e do Algarve, S.A., EMARP e Turismo do Algarve, com o apoio técnico da Federação Portuguesa de Motonáutica e do Clube Naval de Portimão.

O principal apoiante do evento é o Município de Portimão, enquanto principal entidade anfitriã, cooperando também na logística e na promoção do evento. 

 
  O palco do grande espetáculo

.

 
O traçado da prova situa-se entre a ponte rodoviária antiga e as ruínas do convento de São Francisco, com uma extensão de cerca de 1800 metros, que se encontra assinalado através de oito bóias de rondagem sendo seis negociadas a bombordo (esquerda) e duas a estibordo (direita), mas que não inclui a 6.ª bóia.

Desta forma, o circuito fica mais rápido, mais apertado e menos complexo, exigindo dos pilotos uma boa condução e proporcionando um grande e melhor espectáculo.

A assistência em terra é prestada pelas equipas de apoio de cada piloto, bem como pelos Bombeiros Voluntários de Portimão, Cruz 

  vermelha Portuguesa e pelo Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio.

Ao longo da Zona Ribeirinha de Portimão o público pode ver toda a pista, todas as manobras, respirar o ambiente internacional que se vive nesta prova, e visitar aquele que é considerado o melhor Paddock de todo o circuito mundial da Motonáutica de Fórmula 1. 

No Paddok estão instaladas as "boxes" de cada equipa, onde os técnicos, mecânicos e pilotos procedem aos acertos, afinações de pormenor e à preparação dos últimos testes antes dos treinos e da grande corrida.

... Duarte Benavente é o único piloto português participante na Fórmula 1 do Mundial de Motonáutica.

 
 
Web-site processado por JMSM